Meus visitantes

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

De amor e de poesia



Basta uma palavra
E o silêncio será quebrado
De amor e de poesia
Vem viver ao meu lado

Das pedras nascerão flores
Do ódio surgirão amores
Abre teus braços assim
Vem se apossar de mim

Basta uma palavra
E serei teu
De amor e de poesia
Vem colar teu corpo no meu
Postar um comentário