Meus visitantes

sábado, 28 de dezembro de 2013

Pétalas e folhas secas


Se te disserem não
Aceite o sim como resposta
Não acredite nas respostas prontas
Nem duvide da sinceridade de um olhar
Siga em frente e não atropele sua intuição
Jogue as pétalas por onde passar
e não hesite pisar em folhas secas

Quando o outono chegar
Abra as janelas e deixe a brisa entrar
Ouça o som da natureza
e deixe o vento levar as velhas folhas
Cante uma canção inventada ao luar

Não acredite no sorriso da monalisa
Nem se prenda ao quadro que pintaram pra você
Seja livre e construa seu mundo
Longe das cobras e leões
Se preciso for, voe com as águias
Mas não se detenha nas folhas secas
Postar um comentário